sábado, 4 de julho de 2015

Retomada

Não se mede sozinho mais
não se faz como antes
nem mesmo se liga a um amigo

Se faz de segundos novos
como se antes não fossem
se não houvesse concordância
se não fosse possível falar de nada
que antes, fosse antes

É necessário ser convincente 
antes de apagar.
Ser amável 
antes de criar novos cantores antigos.
Ser algo 
que desperte um novo sentimento
sem aquele de anos,
de conversas
de conselhos
de algo.


Apenas é um desejo,
um conselho,
um sonho,
um algo que é impossível,
mas mesmo assim virou poesia.

(Monique Ivelise)